Foto: Matheus Landim / GOVBA
BahiaPolítica

Jerônimo prestigia abertura oficial do desfile dos trios na Praça Castro Alves e Campo Grande

Após participar da abertura do Carnaval, na Praça Castro Alves, o governador Jerônimo Rodrigues seguiu para o Camarote do Governo do Estado, no Campo Grande, de onde acompanhou a abertura do desfile dos trios no circuito Osmar, no final da tarde desta quinta-feira (8). Ele estava acompanhado pelo vice-governador e coordenador do Carnaval, Geraldo Júnior, e pelo secretariado. Patrocinados pelo Governo, puxam trio sem cordas, neste primeiro dia oficial de festa, os artistas Daniela Mercury, Xanddy Harmonia e La Fúria.

“O conceito de democracia no Carnaval é muito importante para nós. E a gente só vê isso na Bahia. Tanto na pipoca ou nos camarotes, é possível ver passagem de trios com cantores famosos e quem está começando também”, destacou Jerônimo Rodrigues.

Antes de chegar ao camarote oficial, a comitiva visitou as instalações do posto fixo do Serviço de Atendimento ao Turista (SAT), onde foliões recebem orientações sobre as atrações turísticas, a programação da festa e serviços essenciais, além de um atendimento especial para estrangeiros e pessoas com deficiência auditiva, com disponibilização de intérpretes.

Com expectativa de lotação máximo dos hotéis próximos aos circuitos oficiais da festa, o secretário de Turismo, Maurício Bacelar pontuou a diversidade do carnaval da Bahia. “Temos diversas festas dentro do Carnaval da Bahia. Temos blocos independentes, alternativos, afro, os de corda e camarotes, além das festas nos bairros, feitas pela população. É isso que torna o nosso Carnaval único e diferenciado”, declarou Bacelar.

O secretário de Cultura, Bruno Monteiro, ressaltou as particularidades da cultura baiana que se evidenciam na festa. “O Carnaval é o momento da expressão do jeito diferenciado da Bahia, que realiza a maior festa de rua do planeta. São todas as áreas de Governo juntas trabalhando com o mesmo objetivo: garantir que o Carnaval seja bom para todas as pessoas, com alegria, diversão, respeito aos direitos. A Bahia tem essa marca da diversidade”, explicou o titular da Secult.

Segurança

A segurança da festa tem uma atuação especial da Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP), que este ano levou mais de 37 mil agentes para as ruas da capital e de outros 75 municípios, com investimento também em tecnologia. O titular da SSP, Marcelo Werner, destaca a importância dos recursos aplicados e comemora os resultados já obtidos com o uso dos portais de abordagens que foram ativados desde o pré-carnaval, apreendendo mais de 2 mil objetos proibidos. “Temos ainda 400 câmaras, incluindo as de reconhecimento facial, em todos os circuitos, utilização de drones, embarcações ao longo da costa marítima e o aplicativo Alerta Cidadão. Ou seja, a operação de segurança está pronta, e o comando controle foi ativado no momento da abertura oficial da festa”, pontuou Werner.